Ouroboros O eterno Retorno

Não pensava em postar nada, mas quando vi o símbolo Ouroboros (ou oroboros) associado ao Mal em “A Sétima Vítima” ( Darkness), não pude resistir a escrever.

A serpente que engole a própria cauda

Sempre conheci o oroboros, ou a serpente que engole o próprio rabo (ou cauda para ser mais elegante), com um símbolo de eternidade e eterno retorno… E por um momento, vendo esse filme, achei que tinha aprendido tudo errado.

Oroboros é um símbolo antigo que mostra uma serpente ou dragão engolindo a propria cauda, criando assim um círculo.  É associado com alquimia, gnose, and hermeticismo. Representa o ciclo interminável das coisas, assim que um ciclo se encerra, começa outro. Em algumas representações, a serpente é mostra com um parte iluminada e outro nas sombras, representando a dicotomia de símbolos similares como o  Yin Yang. Dizem que talvez os antigos tenham criado a estória da serpente ao olhar para Via Láctea, pois em alguns manuscritos se menciona uma serpente de luz que mora nos Céus.

O símbolo vem de tempos antigos, desde o antigo Egito, cerca de 1.600 antes de Cristo, citado na Fenícia e os filósofos gregos, que deram a ela o nome de  Ouroboros (“o devorador da cauda”).

Na mitologia nórdica nós encontramos a serpente Jormungand, que é um dos filhos de  Loki, ela cresceu tanto que seu corpo circulou o mundo e com ses dentes mordeu a própria cauda. Na mitologia hindu, onde há um dragão que circunda uma tartaruga que carrega em suas costas quatro elefantes, que carregam o mundo. A serpente e o dragão também aparecem na mitologia asteca, chinesa, japonese e até mesmo entre os nativos americanos.

Os cristãos adotaram o o Ouroboros como um símbolo da limitação do mundo (que há um ser superior que demarca os limites), e a natureza transitória e que se auto consome da existência terrena (seguindos os passos do pastor em Ecclesiastes).

Na alquimia, é símbolo de eterna unidade de todos as coisas, o ciclo de nascimento e morte que os alquimistas procurar libertar. Para eles, simboliza a natureza circular das coisas, o consciente e o consciente.

Já no filme, uma seita ou seja o que for, têm de matar sete crianças para libertar o Mal. As crianças tem de ser mortas numa espécie de container ou pira talhado como um oroboros. Quando a protagonista descobre o oroboros escondido debaixo do piso da sala, vai até a biblioteca e encontra um livro que diz que o símbolo representa “as trevas”… Ora, em nenhum lugar encontrei nada que associe o oroboros ao mal…

Na verdade, como já explicado acima, é um símbolo associado às idéias de retorno, eternidade, reencarnação, etc… Talvez o que tenha ocorrido com o roteirista do filme foi ligar a figura do oroboros com o mal, já que para os cristão um dos símbolos das trevas é a serpente e o dragão.

Links/tradução:

http://fact-archive.com/encyclopedia/Ouroboros

Sobre shironaya

web 2.0 addict, crazy about legends, stories, drawing, cinema, painting. adoro web 2.0, lendas, estórias, desenho, cinema, pintura.

Publicado em março 17, 2010, em china, seres míticos e marcado como , , , . Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. Ele deve tê-lo associado ao mal, pois alguns acham que significa suicídio. Exatamente pelo motivo dela comer o próprio rabo, subentende-se que o animal esteja suicidando-se. E, como o homem acredita facilmente naquilo que deseja ou teme, cada um acredita no quer, mas os corretos são os comentados acima.

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: